Sobre o INCA

Centro Colaborador da Opas/OMS para o Controle do Tabaco


Última modificação: 22/03/2019 | 12h31

O INCA, com longa atuação na Politica Nacional de Controle do Tabaco e sede da Secretaria Executiva da Comissão Nacional para Implementação da Convenção-Quadro da OMS para o Controle do Tabaco (Conicq), foi designado, pela quarta vez consecutiva, Centro Colaborador da Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (Opas/OMS) para o Controle do Tabaco (2016-2020), integrando o conjunto de 14 centros colaboradores da OMS na área de tabaco no mundo, sendo o único na América Latina.

Os centros colaboradores da Organização Mundial da Saúde são instituições-chave, com expertise científica relevante, que desenvolvem atividades em consonância com os objetivos da Opas/OMS, representando um importante recurso para atingirem os objetivos de seu mandato nas regiões.

O centro colaborador é designado pelo diretor-geral da OMS para integrar uma rede internacional, desenvolvendo atividades em apoio aos programas da Otganização em todos os níveis. A designação de uma instituição como Centro Colaborador ocorre a partir de um histórico de colaboração com programas da OMS e inclui a pactuação de um Plano de Trabalho com atividades específicas de cooperação a serem desenvolvidas durante o período de designação. A OMS designa colaboradores em diversas áreas e conta atualmente com mais de 700 centros colaboradores alocados em 80 Estados-Membros.

Dentre as responsabilidades assumidas pelo Instituto no atual Plano de Trabalho pactuado com a Opas/OMS destacam-se a implementação de programas de treinamento, o desenvolvimento de pesquisas e estratégias para o controle do tabagismo alinhadas às recomendações da Opas/OMS, o compartilhamento de melhores práticas e expertise científica, a produção de material em português com o objetivo de fortalecer o controle do tabagismo nos países lusófonos, assim como a participação na Comissão Intergovernamental de Controle do Tabaco do Mercosul.

Lista Assuntos