Dia Nacional de Combate ao Câncer - 2010

Câncer no Brasil - Dados dos Registros de Base Populacional


Última modificação: 18/09/2018 | 12h01

A Portaria do Ministério da Saúde GM nº 707, de dezembro de 1988, instituiu o Dia Nacional de Combate ao Câncer, comemorado no dia 27 de novembro, com a finalidade de mobilizar a população quanto aos aspectos educativos e sociais no controle do câncer. Para isso, o INCA e o Ministério da Saúde desenvolvem estratégias que visam a ampliar o conhecimento da população brasileira sobre o câncer e, principalmente, sobre como prevenir a doença.

Em celebração ao Dia Nacional de Combate ao Câncer 2010, o INCA realizou as ações:

  • Lançamento do quarto volume da série Câncer no Brasil – Dados dos Registros de Base Populacional.
  • Lançamento do Plano de Ação para Redução da Incidência e Mortalidade por Câncer do Colo do Útero

 

Câncer no Brasil – Dados dos Registros de Base Populacional

A vigilância é um componente estratégico para o planejamento efetivo e eficiente dos programas de controle do Câncer, bem como para o monitoramento e avaliação de seu desempenho. Permite que se conheça a magnitude e o impacto dessa neoplasia, bem como suas tendências e fatores de risco, além de conhecer o efeito das ações de prevenção, detecção precoce, tratamento e cuidados paliativos. Os Registros de Câncer de Base Populacional (RCBP) são importantes ferramentas para a vigilância do câncer e dispõem de informações sobre a incidência, tendências e sobrevida. Os RCBP oferecem subsídios para o planejamento, avaliação e estabelecimento de prioridades, constituindo-se assim e um instrumento essencial para o controle dessa enfermidade.

O volume IV da publicação Câncer no Brasil – Dados dos Registros de Base Populacional traz a análise das informações coletadas no período entre 2000 e 2005 em 17 cidades brasileiras.

 

Plano de Ação para Redução da Incidência e Mortalidade por Câncer do Colo do Útero

O plano foi elaborado por um grupo de trabalho instituído no início deste ano pelo Ministério da Saúde. Foram definidos cinco eixos para a intensificação das ações do Programa Nacional de Controle do Câncer do Colo do Útero: fortalecimento do rastreamento organizado na atenção básica (Programa de Saúde da Família e Postos de Saúde) e da gestão descentralizada do programa de rastreamento; garantia de qualidade do exame citopatológico; garantia de tratamento adequado das lesões precursoras; intensificação das ações de controle do câncer de colo do útero na Região Norte (onde a doença é a principal causa de morte por câncer nas mulheres); e avaliação de alternativas de ações para o controle do câncer de colo.

Materiais de Campanha

Copyright