Causas e Prevenção

Poeira de couro


Última modificação: 20/08/2021 | 17h28

O couro é um produto obtido por curtimento de couros e peles de animais. O curtimento, método mais empregado, é definido como qualquer método de processamento de couros crus ou peles cruas de animais que tem como finalidade impedir que eles apodreçam, conservando-os, sem prejudicar a sua flexibilidade após a secagem e possibilitando, dessa forma, utilizá-los pelas indústrias para comercialização. Durante os processos de curtimento do couro, é gerada uma poeira composta por fibras e grãos, encontrados em dimensões perigosas para o ambiente e para a saúde humana (INCA, 2021; IARC, 1981).


Formas de exposição

No trabalho:

Os trabalhadores do setor de produção de couro estão expostos a diversos produtos químicos com potencial de desenvolvimento de câncer, sobretudo os do setor de curtimento.

No ambiente:

Durante o processamento do curtimento do couro ocorrem emissões de compostos voláteis no ar que causam odores, tais como amônia, gás sulfídrico e solventes orgânicos que, muitas vezes, ultrapassam as barreiras físicas do ambiente das indústrias de curtume.  


Principais efeitos à saúde

A asma ocupacional é o principal adoecimento causado pela exposição à poeira de couro cujos sintomas são: falta de ar, sensação de pressão no tórax, respiração ruidosa e tosse. Além disso, há relatos de casos de câncer de bexiga entre os trabalhadores da indústria do couro e a possibilidade de associação com câncer de pulmão, cavidade oral, faringe e estômago.


Referência Bibliográfica

INTERNATIONAL AGENCY FOR RESEARCH ON CANCER. Wood, leather and some associated industries. Lyon, France: IARC, 1981. (IARC Monographs on the Evaluation of the Carcinogenic Risk of Chemicals to Humans, v. 25). 

INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER JOSÉ ALENCAR GOMES DA SILVA. Ambiente, trabalho e câncer : aspectos epidemiológicos, toxicológicos e regulatórios / Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva. – Rio de Janeiro : INCA, 2021. 

Copyright