Exposições

Imagens das campanhas educativas de prevenção do câncer do colo útero no Brasil


Última modificação: 09/10/2018 | 10h46

O câncer do colo do útero é um sério problema de saúde pública no Brasil, atingindo principalmente as mulheres mais pobres, com maior dificuldade de acesso aos serviços de saúde. Segundo tipo de câncer mais comum na população feminina brasileira, corresponde à quarta causa de morte de mulheres, por câncer, no país. Apesar da sua alta incidência e da gravidade de suas consequências, as lesões que o antecedem podem ser facilmente detectadas pelo teste de Papanicolau (exame preventivo). Parte central dessa estratégia consiste na concientização da população feminina, sobretudo das mulheres da faixa etária de maior risco. A partir de meados do século passado, diversos materiais educativos e cartazes buscaram atingir esse objetivo.

A exposição foi elaborada no âmbito do Projeto História do Câncer - atores, cenários e políticas públicas, uma parceria do Instituto Nacional de Câncer com a Casa de Oswaldo Cruz - Fiocruz. que tem como principais objetivos analisar a trajetória das ações de controle do câncer ocorridas no país e recuperar fontes documentais e iconográficas relevantes para essa história.