Notícias

INCA incentiva a deixar de fumar para prevenir sintomas mais severos da Covid-19

Tabagismo compromete a capacidade pulmonar e deixa fumante mais vulnerável à infecção causada pelo novo coronavírus

Publicado: 06/04/2020 | 17h36
Última modificação: 06/04/2020 | 17h55

Parar de fumar é uma das atitudes que pode ajudar a não desenvolver os sintomas mais graves, caso a pessoa seja contaminada pelo novo coronavírus. Por isso, a Divisão de Controle do Tabagismo do INCA redigiu uma nota com orientações para ajudar a colocar essa decisão em prática.

A explicação do por que fumantes têm maiores chances de desenvolver a forma mais severa da Covid-19 é porque o tabagismo compromete a capacidade pulmonar, deixando o tabagista mais vulnerável.

Confira na nota as dicas que podem ajudá-lo a deixar de fumar e, assim, ficar menos vulnerável a desenvolver os sintomas mais severos da Covid-19.

Copyright